14 de agosto de 2022 - 00:06

Agronegócios

27/07/2022 07:54

Entidades do agronegócio aderem plano para adotar práticas sustentáveis no Estado

Entre as tecnologias que devem ser adotadas estão as práticas para recuperação de pastagens degradadas, sistema de plantio direto de grãos e hortaliças, bioinsumos, dentre outras medidas sustentáveis

Entidades do agronegócio se reuniram, nesta terça-feira (26.07), em Cuiabá, para debater ações do Plano de Agropecuária de Baixo Carbono (Plano ABC+) no Estado. O plano visa adotar práticas sustentáveis para serem aplicadas na agropecuária.

Na ocasião, 26 lideranças do agronegócio, entre elas o Fórum Agro MT, aderiram ao Comitê Gestor Estadual em prol de ações para garantir a implantação de práticas de manejo, usos sustentáveis dos recursos naturais e tecnologias de produção com vistas a adaptação à mudança do clima e redução de emissão de gases do efeito estufa.

Dessa forma, as 26 entidades que assinaram o Termo de Adesão irão se tornar membro do Grupo Gestor Estadual, responsável pela implementação do Plano Estadual para Adaptação à Mudança do Clima e Baixa Emissão de Carbono na Agropecuária (ABC+ MT).

“Queremos ampliar estas ações para fomentar a sustentabilidade e promover as tecnologias de baixa emissão de carbono. Essas medidas conservadoras dos recursos naturais trazem para o produtor rural uma nova forma de trabalhar com a agropecuária, e mais rentável, contribuindo com várias questões ambientais e trazendo qualidade de vida para o agro”, destaca o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda Lima. 

Entre as tecnologias que devem ser fomentadas por meio do plano ABC+ estão as práticas para recuperação de pastagens degradadas, sistema de plantio direto de grãos e hortaliças, bioinsumos, dentre outras medidas sustentáveis que podem ser aplicadas na atividade agropecuária. 

Além da apresentação do Plano ABC+, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apresentou às entidades do agronegócio dados e informações sobre o Cadastro Ambiental Rural em Mato Grosso.


Copyright  - MT HOJE  - Todos os direitos reservados