29 de junho de 2022 - 04:53

Policia

17/06/2022 07:56

MT registra aumento de 200% no roubo de cargas no primeiro trimestre de 2022

Dados da Sesp mostram que no primeiro trimestre de 2021 foram registrados 39 casos, já nos três primeiros meses deste ano foram 84 casos.

O roubo de cargas aumentou mais de 200% em Mato Grosso, o primeiro trimestre de 2022, em relação ao mesmo período do ano passado, os dados são da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). No primeiro trimestre de 2021 foram registrados 39 casos, já nos três primeiros meses deste ano foram 84 casos.

Para conter a disparada dos casos, a Polícia Civil trabalha de forma integrada com outros órgãos de segurança e unidades do interior para reprimir os roubos de carga.

"Nosso objetivo é, além de prender criminosos, recuperar a carga levada e também apreender os veículos utilizados na empreitada criminosa e sequestrar possíveis imóveis, para possível ressarcimento", segundo o delegado da Gerência de Combate ao Crime Organizado, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira.

Segundo o delegado, a Polícia Civil está em diversas investigações para coibir a pratica do roubo de cargas em Mato Grosso.

No início de junho uma carreta foi roubada com uma carga de 39 toneladas de sal para gado, na região de Diamantino. A Polícia Civil recuperou o veículo e a carga no dia 3 de junho. A carreta e carga de 39 mil quilos de sal foram localizadas em um terreno no Jardim Industriário, em Cuiabá, usado como local de desmanche de veículos.

Os policiais constataram que a carreta já estava em processo de adulteração, pois a placa que estava instalada no veículo não correspondia à identificação do chassi.

Também no início do mês, um motorista de 46 anos foi sequestrado e teve o caminhão e a carga de soja que transportava roubados, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. A vítima foi encontrada amarrada e desorientada no Bairro Anel Viário, na madrugada do dia 4 de junho.

De acordo com a Polícia Militar, o motorista contou que, por volta das 14h, estava estacionado com o veículo em um posto às margens da BR-163, saída para Campo Grande (MS), quando chegaram dois homens e perguntaram o que ele estava transportando.

Ao responder que a carga era de soja, um dos suspeitos que estava armado anunciou o roubo. A vítima foi amarrada dentro da carreta e coberta com um tecido para não saber para onde estavam indo.

Conforme o relato do motorista à polícia, depois de algum tempo, os assaltantes o colocaram em um carro de passeio e o levou para uma casa, onde permaneceu até o período da noite. Já durante a madrugada ele foi deixado pelos criminosos no Anel Viário.


Copyright  - MT HOJE  - Todos os direitos reservados